terça-feira, 9 de setembro de 2008

DesLiGue SeuS OuviDoS


Se alguém discordar, tudo bem, sinta-se a vontade, mas se discordar...É LOUCO!

Estava eu fazendo o almoço "lá lá lá... a vida é bela, os passaros cantam, o céu é azul..." bom, até aí tudo bem. Liguei o rádio, para que minha culinária tivesse trilha sonora. E lá estava eu, fazendo um belo estrogonofe ao som de "de bar em bar, de mesa em mesa, bebendo cachaça tomando cerveja..." É claro, lá pelas tantas, não sei porque raios eu comecei a achar que minha voz era afinada, e lá estava euzinha fazendo um trio com Bruno e Marrone... senti-me tão feliz de poder cantar! Estranho, né?
Bom, a questão é que quando eu estava no auge da minha felicidade - cozinhando e cantando e seguindo a canção - o locutor interrompeu a música para dar espaço à campanha política... Poxa, bem na hora do almoço! As promessas utópicas começaram a me enojar, senti que vinha uma má digestão por aí... Desliguei o rádio, a vida já não era mais tão bela assim.
Liguei a tv. Humm, legal..quanta notícia, dava pra encher uma bela linguiça...
Não é que de repente, não mais que de repente, entrou uma tela azul com uma malditas letras brancas que dizia: "Horário reservado a propaganda eleitoral gratuita" Pombas, tchê!! A partir daí, além de a vida não ser mais tão bela, os passarinhos pararam de cantar - ou eu já não os ouvia. Desliguei a tv, afinal, tudo tem limite, menos os surtos verborrágicos de políticos.
Quase cortando os pulsos com a faca de manteiga, eis que me surge a idéia mais maravilhosa do mundo! "Músicas do computador."
Larguei o garfo, liguei o pc, abri minha pasta de músicas e apertei o play. Ah...música, música...não vivo sem música!!
Mais aliviada, fui até a janela respirar o ar de quem está satisfeito por ter tido uma idéia tão boa! Respirei tão fundo que meus tímpanos chegaram a me deixar meio surda! Sentia-me orgulhosa!! Venci as propagandas!!
Mas (sempre tem um "mas")...
Já dá pra adivinhar o que aconteceu, não é mesmo??
Veio aquele baita caminhão de político com um volume absurdamente estúpido de tão alto e abafou por completo o som da trilha sonora do meu almoço! Fiquei arrasada e pensei "nesse eu não voto!"

Aumentei o volume do pc, mas nada abalava aquele troço cheio de caixas de som, que eu acredito ter sido construido para que os surdos pudessem saber as propostas dos candidatos sem o uso das libras.

Lembrei do velho ditado que diz.. Se não pode com eles, junte-se a eles..
Liguei o rádio, a tv, abri a janela e comecei a notar que tinha ficado louca, a comida tinha esfriado, a vida era horrível, os passaros se assustaram com o barulho do caminhão e tinham ido embora e o céu já não era azul - era cinza.

4 comentários:

Leco Viana disse...

rsrsr..
Boa história!
Na minha cidade também acontece coisa parecida..
Caminhões barulhentos quem aguenta?!
Abço!

Heitor Evo disse...

pois é essas campanhas tão de matar

é um pé no caso daqueles, pior pra mim só funk carioca

mas pra essas duas situações eu tenoh solução, sou metaleiro hahaha curto musica bem berrada!!!

Qaphqa disse...

Minha vida tem trilha sonora, sabia?
E minha comida,mais ainda... dá pra comer um arroz sabor sertanejo? feijão legião? ahauahuahauah...
ODEIO com muitas forças propaganda política a todo alto falante!!!
bj bj bj!
ps - saudade de vcs. Avise aos navegantes que logo, logo, estarei de volta. A muitos nós!!!

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.